Zenilda Ribeiro
Escrever é um ato libertador e uma forma de me reinventar.
Textos
Oitenta

Oi, tenta.
O que te lembra oitenta?
Um ritmo, uma música?
Um estilo?
Talvez os movimentos 
Pelas "Diretas já"
Ou o fim da Ditadura Militar. 

Oi, tenta!
O que te lembra oitenta?
Uma nova Constituição
Campanhas presidenciais,
O "caçador de marajás",
Do Nordeste para o Mundo
Uma mão de quatro dedos
Grita e luta por direitos
e Igualdade social.

Oi, tenta!
O que te lembra oitenta
O primeiro voo da Columbia.
O primeiro computador.
A ethernet dando o ar da graça.
A primeira videoconferência.
A descoberta do vírus da AIDS.
O primeiro bebê de proveta.

Oi, tenta!
O que te lembra oitenta?
Tabelamento de preços,
falta de mercadorias.
O fim de uma sequência 
de anos de seca e mortes 
no sertão nordestino.

Oi, tenta!
O que te lembra oitenta?
Tancredo eleito, mas não governa.
Argentina invade as Malvinas
Irã e Iraque encerram a guerra.
A queda do muro de Berlim.
Um fenômeno chamado Michael Jackson
E o estrondoso sucesso de Thriller.

Oi, tenta!
O que te lembra oitenta?
Para nossa família lembra milagre
Milagre chamado vida
A vida de uma mulher guerreira
Que hoje celebra seus oitenta
Por isso ao criador louvamos
Por nos permitir tamanha bênção
Os oitenta anos da nossa mamãe.
Zenilda Ribeiro
Enviado por Zenilda Ribeiro em 16/01/2021
Alterado em 16/01/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras